Walfenda Medieval ganha destaque positivo entre críticos de Veja e Folha

Posted By admin / Restaurante / Carnes, churrascaria, são paulo / Nenhum Comentário

Veja Walfenda Marco 2018 Folha Walfenda Criticos

O Walfenda Medieval foi tema de avaliações ao longo da última semana na revista Veja São Paulo e no Guia São Paulo, da Folha de S. Paulo. No primeiro, o crítico de gastronomia Arnaldo Lorençato destacou a qualidade das carnes do restaurante, entre elas o Miriel, coxa gigante de peru, com 1 kg.  No último, recebeu a nota Muito bom na seção Vim, vi e comi, na qual jornalistas especializados em gastronomia avaliam comida, serviço e ambiente de restaurantes em São Paulo.

Read More

Chefs unem sabores brasileiros na Mantiqueira

Posted By admin / Alta Gastronomia / brasileira, charme, comida, culinria, hotel, pousada, pousada na serra, turismo, viagem / Nenhum Comentário

Oliveira Release ari kespers Foto release

_31A0728 ari00011

Rodrigo Oliveira (Mocotó, Esquina e Balaio) é o convidado especial do chef Ari Kespers para um jantar a quatro mãos na Provence Cottage & Bistrô, em Monte Verde (MG), no sábado, 17 de março. Juntos, assinam um menu em nove etapas baseado em um traço comum de suas cozinhas: a valorização dos ingredientes regionais e de seus produtores. Por tudo isso, o jantar foi batizado como Cozinha da Terra. “Há cada vez mais trabalhos notáveis, como o do Ari Kespers, sendo feitos fora dos grandes centros gastronômicos. Se destacam por ter uma linguagem particular, influenciada por contextos exuberantes, como é o caso do Provence e a Mantiqueira”, diz Oliveira.

Entre os pratos a serem servidos, apenas dois serão conhecidos:  Milho, milho, milho (cabelo de milho, ovo mollet, mate de taioba e minimilho), criação de Kespers e estrela desta temporada em seu restaurante, e Dadinhos de tapioca com molho de pimenta agridoce, clássico da cozinha de Oliveira. Todos os outros pratos do menu-degustação serão criados pelos dois chefs horas antes. “Será um jantar-surpresa”, anuncia Kespers, entusiasta da cozinha de Oliveira. “Admiro o trabalho de Rodrigo, e como ele sempre soube resgatar as próprias raízes em suas criações.”

Os chefs

Considerado um dos principais nomes da cozinha brasileira atual, Rodrigo Oliveira comanda, há 16 anos, o Mocotó, restaurante no qual reinventou a culinária nordestina, resgatando suas raízes familiares, do sertão pernambucano. Desde então, ganhou inúmeros prêmios nacionais e internacionais. Entre eles, ocupa hoje o 27º lugar na lista do 50th Best Latin America da inglesa The Restaurant Magazine. Também comanda o Esquina (1 estrela no guia Michelin Rio e São Paulo 2017) e duas unidades do Mocotó Café, todos em São Paulo. Recentemente, inaugurou seu novo restaurante, Balaio, dentro do Instituto Moreira Salles, na Avenida Paulista, coração da cidade.

Nascido em Jundiaí (SP), o chef Ari Kespers é autodidata. Antes do bistrô Provence, na serra mineira, aberto em 2010, foi proprietário do restaurante Sal da Terra (em Jundiaí). O encontro com Minas trouxe um novo norte para sua cozinha, baseada em produtos sazonais. O bistrô Provence foi eleito um dos 50 melhores restaurantes do país pelo Guia Quatro Rodas 2015. No mesmo ano, representou Minas no evento Cozinhando com Palavras, no Salão do Livro de Paris, onde participou do lançamento do livro Le Brésil de Minas Gerais. Em 2016, também participou da Feira de Livro de Frankfurt, na Alemanha. Em Monte Verde, além do bistrô, comanda a pousada Provence Cottage, ao lado de seu sócio, Whitman Colerato.

Cozinha da terra – Jantar com os chefs Rodrigo Oliveira e Ari Kespers. No dia 17 de março, sábado, a partir das 20h30. Local: Provence Cottage & Bistrô, Rua Cedrus Libani, 380, Monte Verde, Camanducaia, MG. Tel.: 55 (35) 3438-1467. Aberto ao público mediante reserva. Valor do menu-degustação por pessoa: R$ 287,00 ou R$ 440 (harmonizado).

Imagens: Rodrigo Oliveira (Foto: Carol Gherardi); Ari Kespers (Foto: Pallata); Dadinhos de tapioca com molho de pimenta agridoce (Foto: Ricardo D’Ângelo); Milho, milho, milho – cabelo de milho, ovo mollet, mate de taioba e minimilho (Foto: Marco Vaz).

Read More

Trampolim Start Up Café é novo cliente da Bress

Posted By admin / Restaurante, Sem categoria / budget, café, comida, coworking, gastronomia, hotel, hotelaria, ibis, reunião, trabalho / Nenhum Comentário

_DP07536_Trampolim_danielpinheiro--« _DP07703_Trampolim_danielpinheiro@ _DP07782_Trampolim_danielpinheiro--« Ibis_Budget_logo_2012

O Trampolim Start Up Café, na rua da Consolação, 2303, em São Paulo, é o mais novo cliente da Bress Comunicação.

Localizado dentro do hotel ibis Budget, da Accor Hotels, o Trampolim foi inaugurado há dois meses. Ele chega para ser um novo espaço para a realizações de reuniões e encontros de negócios, além de refeições (almoço e jantar) a um preço justo.

 

Read More

Pousada Quinta dos Pinhais é destaque no jornal O Globo

Posted By admin / Pousada / Carnaval, descanso, hotel, Mantiqueira, relaxar, sossego, Verão / Nenhum Comentário

_MG_6304 _MG_6489

A pousada Quinta dos Pinhais, em Santo Antônio do Pinhal, na Mantiqueira paulista, foi um dos destinos escolhidos numa seleção de locais ideais para curtir e relaxar neste Carnaval 2018. A reportagem destaca como atributos da hospedagem a piscina de fundo infinito que se abre para o maciço da Pedra do Baú e montanhas mineiras, o spa da pousada, com massagens e banhos especiais para quem deseja relaxar no feriado.

Confira o conteúdo completo em:

https://oglobo.globo.com/boa-viagem/para-onde-viajar-no-carnaval-ha-opcoes-para-curtir-folia-ou-so-descansar-22277548

 

Read More

Walfenda lança cardápio inspirado em ‘Deus Salve o Rei’

Posted By admin / Sem categoria / Nenhum Comentário

cestinha de massa folhada com frutas secas Cassio (Foto Ivam Grambek) short rack de cordeiro com salsa de hortelã e favas Principe Afonso (Foto Ivam Grambek)

Pratos do cardápio ‘Deus Salve o Rei’ levam nome dos personagens: Cássio (cesta de massa folhada com frutas secas) e Príncipe Afonso (short rack de cordeiro em salsa de hortelã e salada de favas). Fotos: Ivam Grimbek

O mundo mágico de cavaleiros, reis e rainhas irá aportar no Walfenda Medieval nesta sexta-feira, 12 de janeiro. Durante seis meses, a casa paulistana servirá um cardápio inspirado na novela das sete da Globo, Deus Salve o Rei – é o único restaurante no segmento licenciado pela emissora. O lançamento do cardápio acontece a partir das 19h.

Criados pela chef Angelita Gonzaga, os novos pratos da casa têm ligação com os dois reinos da ficção global, Montemor e Artena, e ganharam os nomes de seus personagens. Na trama, Montemor é um lugar rico em minérios, mas que sofre pela persistente falta de água. Ao contrário de Artena, abundante neste recurso natural. “Baseada nesta ideia inicial, trabalhei em duas frentes: ensopados, guisados e ingredientes bastantes frescos nos pratos ligados ao reino de Artena e frutas secas, carnes maturadas para Montemor”, explica a chef.

Rainha Crisélia Contra-file de Angus com 480 g defumado (Foto Ivam Grambek) frutas grelhadas com mel de castanha Demétrio (Foto Ivam Grambek)

Pratos do cardápio ‘Deus Salve o Rei’ levam nome dos personagens: Rainha Crisélia (contra-filé de Angus, com 480g e defumado). Foto: Ivam Grambek e Demétrio (frutas grelhadas com mel de castanha). Fotos: Ivam Grambek

Além disso, o cardápio segue a linha medieval da casa, baseada na pesquisa que a chef fez sobre a cozinha ibérica do fim da Idade Média (séculos 14 e 15), com o fogo sendo sua principal inspiração. Entre os destaques do menu Deus Salve do Rei, estão Constantino (codornas cozidas na sidra com uvas frescas, R$ 24); Amália (pescada branca inteira defumada na lenha de maçã e acompanhada de purê de abóbora, R$ 44,50); Rei Augusto (duas coxas de frango com batata-doce caramelizada, R$ 42); Príncipe Afonso (short rack de cordeiro em salsa de hortelã e salada de favas, R$ 58,50); Princesa Lucrécia (steak de javali com compota de maçã e especiarias, R$ 62), Rainha Crisélia (contra-filé de Angus, com 480g e defumado, R$ 62) e Princesa Catarina (estufado de porco com damascos, espinafre e lentilhas, R$ 49,50), além de duas sobremesas: Cássio (cesta de massa folhada com frutas secas, R$ 23,50) e Demétrio (frutas grelhadas com mel de castanha e hortelã, R$ 23,50).

Para entrar no clima medieval, os clientes também poderão dividir o Escudo de Cália, um bife gigante de 2,2 kg, que reúne cinco cortes de carne bovina e serve até seis pessoas (R$ 198). Na trama, Cália é o nome da região que reúne os dois reinos. O cardápio especial estará disponível até março, quando será renovado para o outono/inverno por mais três meses.

Harmonizações – Os pratos do cardápio especial Deus Salve O Rei serão harmonizados com cervejas artesanais seculares, selecionadas pela sommelière Paty Albehy. São três rótulos alemães: Aecht Schlenkerla Rauchbier Märzen, uma das cervejas defumadas mais premiadas do mundo; Schneider Weizendoppelbock TAP 6, a mais antiga Weizendoppelbock conhecida; e Weizen Doppelbock Tap 7. Além das cervejas, a chef sugere vinhos (servidos em taças de pedra sabão).

A casa – O fogo é um dos protagonistas no Walfenda Medieval. Logo na entrada há uma área de preparo de carnes, assadas em lenha de árvores frutíferas. O ambiente remete à uma antiga farmácia medieval, com uma grande estante onde são guardados os ingredientes utilizados na produção dos drinques da casa.

salao churrasqueiro

Menu Deus Salve o Rei – Cardápio inspirado na novela da Globo, assinado pela chef Angelita Gonzaga, no Walfenda Medieval. Sexta-feira, dia 12 de janeiro, a partir das 19h. Endereço: rua Tito, 25, Vila Romana. Tel.: 11-3672-1371. 3ª/6ª, 19h/24h; sáb., 12h/24h; dom., 12h/17h. Todos os cartões.

 

Read More

Wine bars de São Paulo se unem para servir vinhos leves e refrescantes

Posted By admin / Bares / festival, restaurante, vinho / Nenhum Comentário

Durante 16 dias, sete casas trarão brancos, rosés, espumantes e tintos de seis países a preço de importadora, em garrafa ou taça, na 2ª edição do Festival Vinho no Boteco 

Salão Sancho Bar y Tapas (Foto Reinaldo Mandacaru) Tabua de queijos e embutidos Ovo e Uva com vinho branco (Foto Marco Pinto)

Entre os dias 20 de janeiro e 4 de fevereiro, acontece em São Paulo a segunda edição do Festival Vinho no Boteco – Verão. Durante 16 dias, sete bares de vinho paulistanos – Canaille Bar, Dionysos, Jamón, Jamón, Ovo e Uva, Rubi Wine Bar, Sancho Bar y Tapas e Vinoteca Paulistana – se unem para servir espumantes, brancos, rosés e tintos leves a preço de importadora, em garrafa ou taça. Em sua segunda edição, o Festival Vinho no Boteco deseja democratizar o consumo da bebida e trazer uma nova experiência para o paulistano: mostrar que vinho também é uma ótima opção de bebida no verão.

A lista geral inclui rótulos da Argentina, Chile, Espanha, França, Itália e Portugal, mas cada bar tem a liberdade de escolher as bebidas que mais se alinhem a sua identidade. A Vinoteca Paulistana, em Perdizes, por exemplo, selecionou apenas argentinos, como o Finca Las Moras Syrah rosé (R$ 48,90/garrafa; R$ 13/taça), que combinam bem com as delícias que a casa serve, como o minichoripan e o bolinho de frutos do mar. No Jamón, Jamón por David Lopez, especializado em gastronomia espanhola, estará disponível o espanhol Tarima Monastrell (R$ 79/garrafa; R$ 20/taça), da premiada Bodegas Volver, localizada em Alicante.

dionysos_tabua_vinho_bar mini choripan

Com vários vinhos disponíveis com desconto, o Dionysos, em Pinheiros, oferece o chileno Pionero Chardonnay (R$ 49/garrafa; R$ 13/taça) e os italianos Villa Cardeto Sangiovese (R$ 66,40/garrafa; R$ 17/taça) e Acquerello Pinot Grigio (R$ 64/garrafa; R$ 16), entre mais 14 rótulos. No Canaille há duas opções de orgânicos franceses, Claude Val Blanc e Claude Val Rouge, ambos a R$ 65,50/garrafa; R$ 17/taça.

No Ovo e Uva, a seleção inclui 22 rótulos, como o espumante argentino Nocturno Brut (R$ 44/garrafa; R$ 11/taça) e o rosé francês Esprit Méditerranée (R$ 69/garrafa; R$ 18/taça). São quatro opções no Rubi Wine Bar, como o branco La Linda Torrontés (R$ 63,70/garrafa; R$ 16/taça). E no Sancho Bar y Tapas, localizado no Baixo Augusta, são seis opções, como o De Martino Carménère (R$ 66,60/garrafa; R$ 17/taça).

A lista com os vinhos que cada casa irá oferecer, seus endereços e horários de funcionamento estão no site do festival: www.festivalvinhonoboteco.com.br.  O evento tem o apoio das importadoras Decanter e Grand Cru.

 

2º Festival Vinho no Boteco – Verão – De 20/1 a 4/2, sete wine bars de São Paulo se unem para servir vinhos a preço de importadora.

Imagens 1) Salão do Sancho Bar Y Tapas (Foto Reinaldo Mandacaru); 2) tábua de queijos e embutidos do Ovo e Uva (Foto Marco Pinto); tábua de queijos e embutidos do Dionysos (Vinicius Assencio); 4) minichoripan da Vinoteca Paulistana (Foto Diego Sanchez)

 

 

Read More

Miriel, a coxa de peru gigante do Walfenda

Posted By admin / Restaurante / bar, Brasa, Carnes, fogo, medieval / Nenhum Comentário

coxa miriel churrasqueiro

Uma das estrelas do cardápio do Walfenda Medieval (Rua Tito, 25, Vila Romana), casa comandada pela chef Angelita Gonzaga, é a Miriel (R$ 49,50), uma supercoxa de peru, suculenta e macia, que pesa 1 quilo e chega à mesa acompanhada de rodelas de abacaxi grelhadas e defumadas.

O processo de produção do prato demora cerca de 24 horas. Primeiro passa por uma marinada especial de ervas e diversas especiarias (sálvia, cominho, páprica, pimenta entre outras), com duração de 12 horas. Na sequência, cozinha mais 12 horas lentamente, em sous-vide, antes de seguir para a grelha. Ali ganha uma crosta crocante e saborosa e notas da defumação feita em lenha de árvores frutíferas. A área de assados fica logo à entrada do Walfenda, e os clientes podem acompanhar a finalização da Miriel na grelha.

A casa oferece ainda uma série de acompanhamentos, como batatas assadas na lenha (R$ 22), arroz branco (R$ 12,50), salada verde (R$ 19,50) e vegetais do dia (R$ 22), entre outras opções.

tomahawk steak (foto Ivam Grambek) galeto na lenha (foto Ivam Grambek) tutano com pasta de hortelã e manjericão (foto Ivam Grambek)

Walfenda Medieval – Casa de carnes na brasa (que também podem ser levadas para casa), drinques especiais, cervejas artesanais e chopes. Cardápio assinado pela chef Angelita Gonzaga. Endereço: rua Tito, 25, Vila Romana, 11-3672-1371. De terça a sexta, das 19h à 0h; sábado, das 12h à 0h; domingos e feriados, das 12h às 17h.

Read More

Walfenda Medieval é destaque na Folha de S. Paulo

Posted By admin / Bares, Restaurante / bovino, Brasa, Carnes, churrascaria, grelha, Lenha, medieval, suíno / Nenhum Comentário

O crítico de gastronomia da Folha de S.Paulo Josimar Melo esteve no Walfenda Medieval Firewood Steak, localizado na Vila Romana, em São Paulo. Confira o que ele escreveu no Guia Folha deste fim de semana:

http://guia.folha.uol.com.br/restaurantes/2017/11/critica-walfenda-medieval-e-competente-casa-de-carnes-em-ambiente-que-lembra-harry-potter.shtml

Foto: Ricardo Bergamini

Read More

Walfenda Medieval promove evento de halloween

Posted By admin / Bares / Brasa, Carnes, Churrasco, Drinques, Idade Média, Lenha, medieval, restaurante / Nenhum Comentário

Casa recém-inaugurada na Vila Romana terá festa à fantasia com show de música celta, folk e recitais épicos; cardápio inclui carnes na brasa, cervejas artesanais e drinques (poções)

churrasqueiro salao

Denver Steak2 drypothos costela2

Imagens: Braseiro e salão do Walfenda  (Foto/Ricardo Bergamini),  Denver Steak,
drinque Dry Pothos e assado de tira suíno (Fotos/Ivam Grambek)

O Walfenda Medieval, casa de carnes e drinques especiais recém-inaugurada na Vila Romana, celebra no dia 31 de outubro (próxima terça-feira), a partir das 20h, a sua noite de Halloween. A festa será à fantasia e com a apresentação da banda Oaklore, que trará ao palco um repertório de músicas folks, celtas e releituras medievais para clássicos do rock. Os ingressos custam R$ 70 (consumíveis).

Com decoração que remete à uma farmácia da Idade Média, o Walfenda tem o comando da chef Angelita Gonzaga, que montou um cardápio baseado em carnes (maioria gado Angus) assadas em lenha e servidas em tábuas rústicas de madeira. Entre os cortes, destacam-se o sholder steak, tomahawk, Denver Steak, prime rib e a coxa de peru, que pesa um quilo e cujo preparo passa por marinada, cozimento em baixa temperatura, sendo depois assada e defumada em lenha de árvores frutíferas.

Outro ponto alto da casa é a carta de bebidas, com “poções” engarrafadas, que podem ser levadas para casa pelos clientes. Assinada pelo mixologista Beto Ferreira, traz uma série de criações inusitadas, como o Dry Pothos (vodca citron, hibisco, hortelã, licor e suco de cranberry), Fogo do Dragão (brandy, limão, absinto e café) e Trinus de Nagini, que leva a soda Walfenda em sua composição, além de vodca, hibiscus siroup e Cointreau. A soda é produzida na casa e leva açúcar demerara, água, CO² e cítricos.

buda oaklore 2

Imagens: Esculturas e livros de inspiração medieval do Walfenda (Foto/Ricardo Bergamini)
e banda Oaklore (Foto/Lucas Castanho)

Com curadoria da sommelière de cerveja Paty Albehy, a casa tem chopes Weihenstephan (a mais antiga cervejaria do mundo, de 1040) e Revenge (IPA e larger), além de cervejas artesanais importadas. Na carta de vinhos, apenas rótulos de pequenas caves do Sul do país.

Eventos – O Walfenda Medieval também está preparado para receber qualquer tipo de evento, de encontros corporativos a aniversários e casamentos. Ao todo, são 75 lugares.

Walfenda Medieval – A casa oferece carnes na brasa (que também podem ser levadas para casa), drinques especiais, cervejas artesanais e chopes. Cardápio assinado pela chef Angelita Gonzaga. Endereço: rua Tito, 25, Lapa, 11-3672-1371. De terça a sexta, das 18h à 0h; sábado, das 12h à 0h; domingos e feriados, das 12h às 17h.

 

 

Read More

Chefs se unem para celebrar Minas Gerais

Posted By admin / Hotel / pousada / Nenhum Comentário

Minas Gerais é o tema de dois jantares que acontecem na Provence Cottage & Bistrô, em Monte Verde (MG), nos dias 21 e 28 de outubro. No primeiro, o chef Ari Kespers recebe Roberta Sudbrack e, no segundo, Rodolfo Mayer, que comanda o restaurante Angatu, em Tiradentes. Em comum, os chefs possuem uma trajetória baseada na valorização dos pequenos produtores e em ingredientes regionais. Os eventos acontecem paralelamente ao Festival Gastronômico que movimenta o distrito mineiro entre 18 e 29 de outubro.

O jantar do dia 21 será uma surpresa aos participantes da noite. Sua base serão os ingredientes locais, frescos e disponíveis. “A partir disso, vamos compor juntos um menu que terá o fogo e as raízes mineiras como fios condutores”, diz a chef Roberta Sudbrack. A novidade será a abertura da nova área gastronômica na Provence, um gazebo com churrasqueira e forno a lenha.

Já no dia 28, o jantar será em seis etapas. Abrirá com Biscoito de cebola assada, ricota, picles e brotos, seguido por Porco tonnato, picles de ruibarbo e coalhada fresca e uma Sopa de tomate defumado, chouriço, yacon, baru e manjericão. Na sequência, dois pratos principais: Truta grelhada, com manteiga ácida, farofinha de amendoim, batata-doce assada e cebolas e Carne serenada com salada morna de feijão vermelho e cebola assada. De sobremesa, terrine de mel da Mantiqueira com sorvete de poejo e bolo de pão-de-mel. “Eu e Rodolfo temos uma ligação muito forte com a cozinha mineira de raiz. É sempre a partir dela que pensamos nossas criações”, afirma Kespers, que conhece Mayer há cinco anos, mas esta será a primeira vez que irão cozinhar juntos. Em ambos jantares serão servidos os sorvetes artesanais da Alento, da chef Talita Viza, que desenvolverá sabores inusitados e especiais especialmente para os eventos.

Prato da Boa Lembrança – Os participantes do jantar do dia 28 ganharão um prato da Boa Lembrança, com o nome dos dois chefs em homenagem ao encontro. A partir deste mês, a Provence Cottage & Bistrô faz parte da Associação dos Restaurantes da Boa Lembrança, que reúne estabelecimentos de todo o país que valorizam a excelência do serviço e promovem as peculiaridades regionais da nossa cozinha.

Jantares Minas Gerais – Bistrô Provence. Rua Cedrus Libani, 380 – Monte Verde, Camanducaia, MG. Tel.: 55 (35) 3438-1467. Dia 21 de outubro, a partir das 21h30, menu-degustação assinado pelos chefs Roberta Sudbrack e Ari Kespers. Dia 28 de outubro, a partir das 21h30, menu-degustação com o chef Rodolfo Mayer. Somente mediante reserva. Valor do menu-degustação por pessoa nos dois dias: R$ 287 (sem harmonização) ou R$ 395 (harmonizado).

Diárias da pousada em outubro: de R$ 791 a R$ 980 (casal). Inclui café da manhã, chá da tarde e check-in com garrafa de espumante. Cartões: todos. Não aceita menores de 18 anos.

Crédito das imagens: Roberta Sudbrack (Divulgação), Ari Kespers (Pallata), Rodolfo Mayer (Divulgação) e Talita Viza (Laura Fabrine).

Read More